IDY: Legend


Olá, tudo bom? Gente como eu to com preguiça da vida, sem vontade de fazer nada, a não ser assistir filmes e jogar lol. O problema é que eu quero muito postar aqui, mas a preguiça me mata. E para não deixar o blog tão desatualizado e já cumprir um dos pedidos do I Dare You, está aqui a resenha. Depois que eu li esse livro empaquei e não quero mais sair do lugar. Acredita que até agora eu não comecei a estudar? A mulher lá do colégio ligou para minha mãe e falou que era só ela ir lá hoje e me matricular, só que as minhas coisas pra fazer matrícula ta na casa do meu pai e ele mora longe pra caramba, sem contar que ele ta viajando! Só enrolação!

Em fevereiro as minhas leituras foram um pouco mais devagar, li até agora 3 livro, só falta 2 para terminar a minha meta do mês e isso me agrada muito. Para quem quiser me acompanhar é só me adicionar na skoob, o link está ali no gadget e também pode ver naquela página de lidos.
Eu me atrasei um pouco nas postagem do I Dare You, por que eu comecei a ler livros fora do tema desse mês, que por sinal foram a maioria ''escolha por si mesma''.
E eu escolhi ler primeiro Legend, que cabe no ''livros que tem sua inicial'', para quem não sabe meu nome é Luane, tinha um monte de livros com L, mas decidi dar uma chance para essa trilogia.

Legend
Título: Legend
Autora: Marie Lu
Editora: Rocco
Ano: 2014
Páginas: 2014

Sinopse:Trilogia distópica que vem conquistando os fãs de Jogos Vorazes e Divergente, a série Legend é ambientada na República, instalada numa região outrora conhecida como costa oeste dos Estados Unidos, e conta a história de June, uma garota de 15 anos nascida numa família de elite e que possui impressionantes habilidades militares, e Day, um garoto pobre considerado o criminoso mais procurado do país. Quando o irmão de June é assassinado, os caminhos desses dois jovens de origens distantes se cruzam, dando início a uma trama de forte conteúdo político e repleta de ação, reviravoltas e romance.

Na história acompanhando a vida de 2 pessoas e ficam intercalando os capítulos entre eles , cada um em um lugar diferente da República,vivendo vidas que tão distinta uma das outras, mas percebemos que são muito parecidos.
Primeiro temos Day, o criminoso mais procurado de toda a República, mas que é admirado por muitos, inclusive June a outra pessoa do livro. Ela nasceu já na parte ''rica'', seus pais trabalhavam para o governo e seu irmão é um militar.
Quando as crianças faz 10 anos são obrigados a fazer uma prova para poder dizer se essa pessoa é boa o bastante para continuar na sociedade que eles vivem. June tirou a nota mais alta, que é 1500 pontos, já Day reprovou.
Acontecem uma coisa que leva June a ter que trabalhar com os soldados e investigar o Day. Nisso os dois se encontram, mas nada é como eles realmente esperam.

Eu confesso que não sou muito fã de distopia, mas tem algumas que se destacam. Eu pessoalmente não sou muito fã de Jogos Vorazes, por que em vez de ler eu acabo dormindo. Com Divergente foi diferente, mas eu não gostei muito do rumo que a história estava levando e decidi abandonar a leitura. Mas Legend foi bom, eu gostei muito de ler. Não, não tem como comparar isso com Jogos Vorazes e Divergente, mas que pessoalmente me agradou muito mais que esses outros livros.
“-Nunca lhe perguntei sobre esse nome de guerra. Por que Day? -Porque cada dia significa novas 24 horas. Cada dia quer dizer que tudo é possível de novo. Você pode aproveitar cada instante, pode morrer num instante, e tudo se resume a um dia após o outro. ''  - p. 253
Eu vejo muito da Ditadura Militar na República, que até fui pesquisar um pouco mais sobre isso aqui no Brasil.

A autora escreve muito bem, sabe aquele livro que faz a gente ficar totalmente presa? Foi assim com Legend, eu li até página 50 só para sentir o gostinho, terminei de ler um outro livro e li o resto tudo nesse domingo.
Mas me deu tanta vontade de ler esse livro, mesmo eu li a sinopse por cima e nem sabia direito como era o livro, apenas sabendo que o Estados Unidos ficou uma coisa louca que para mim parece algo pós-guerra. Não posso negar o instinto do meu cérebro e fiz o que ele mandou.

“- Poucas pessoas matam pelas razões certas, June. A maioria faz isso pelas razões erradas. Só espero que você nunca se encontre em alguma dessas categorias.” – p. 208
Day, como disse é um criminoso muito procurando, mas que quando você lê seus capítulos já da para entender seus motivos e nem dá para odiar. Apesar de tudo ele só tem 15 anos e logo de cara você percebe como ele é astuto e inteligente.

June, passou na prova com a nota mais alta e logo de cara você percebe que ela é meia ''famosa'' por isso, chamando bastante atenção, por aonde passa e logo de cara é chamada para trabalhar com o soldados em uma investigação. Ela está ao mesmo nível de Day, astuta e inteligente e você se pergunta por que ele reprovou e ela passou?

Mas vou logo dizendo que um defeito nesse livro, os personagens secundários não são tão bem trabalhados quantos June e Day, que por sinal tornou meus personagens favoritos. Tess, Thomas, John, Kaede e até a Comante Jameson, foi só algo essencial ali na história.
Mas June e Day faz tudo isso passar, são tão carismáticos que eu choro só em pensar neles se machucando em alguma parte ou sofrendo.
“- Dinheiro é a coisa mais importante do mundo, guria. Dinheiro pode comprar felicidade, não me importo com o que os outros dizem. Dinheiro pode comprar alívio, status, amigos, segurança… todo tipo de coisas.” – p. 117

Não é lá um livro muito diferente das outras distopias, mas por algum motivo eu gostei muito, se destacou nas minhas leituras dessa ano e eu espero que os outros dois livros sejam tão bom quanto esse e não caiam como Maze Runner e Sereias, que tem incio maravilhosos e fim meia boca.

Enfim, é um livro muito bom, cheio de altos e baixos, mas que recomendo muito e que vocês provavelmente vão gostar.

24 comentários:

  1. Olá,Lunii! Tudo bom? Que saudade de ti! Eu resolvi voltar pra blogsfera,mas sinto ela um pouco desanimada sabe? Ah,eu já estou disposto pra fazer as coisas menos pelo fato de estar acordando 5:30 da manhã e obviamente é horrível. Ah,eu não gosto / gostava de deixar o blog desatualizado mas sempre bate aquela preguiça e aquele desanimo,mas enfim amo resenhas de livros assim posso conhecer algumas indicações! Ainda não voltou? Nossa,seu pai mora longe? E agora como vai fazer?

    Ano passado minhas leituras foram péssimas li um livro creio eu,te adiciono no Skoob sim,já vou adicionar! Legend? Menina eu peguei pra ler ele e não consegui de maneira nenhuma e o começo já não me agradou que eu me lembre foi no começo de Janeiro ou Dezembro eu até tinha me interessado mas comecei a ler e não me motivou a continuar ai dei uma pausa. Não tenho muito o que falar pois não gostei do Livro em si,mas faz mas indicações quem sabe eu goste?

    Um beijo ♥
    reckless

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bom?
      Pois é, esses dias eu estava pensando em você. Cara volta mesmo, tu fala q volta e não volta, eu não te entendo.
      Fiquei uma semana sem estudar fjnsadjf.
      Nossa, cara, como assim você não gostou?
      Obrigada

      Excluir
  2. Oi flor, como vai? Com certeza ler é uma das coisas que mais gosto de fazer, tenho fevereiro inteiro pra ler e tive janeiro também, minha meta do ano é ler no mínimo 50 livros, e em pleno 2 meses já li 20, como? Eu não sei. Mas enfim, teve um desses 20 que dois não gostei muito. Tinha dois livros aqui em casa, jogados pelo mundo esperando para ser abertos, quais eram? Cidade de papel e o O Teorema Katherine, detestei os dois. Não sei o que há, mas sinto muito preguiça em ler os livros do John Green, todos que eu li não tive muito interesse em ler, e sempre lia pela metade(Metade= Um capítulo) Mas, consegui ler esses dois, e foi um desperdício de tempo para mim, por que achei entediante demais! Haha! Porém me interessei muito por esse livro, faz mais indicações ok?!
    Kisses. ✿

    A Fantástica Fabrica da Adolescência

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá. Estou bem, obrigada.
      20 livros? Eu vou conseguir isso, não em fevereiro pelo que estou vendo, mas consigo!
      Eu gosto desses livro especialmente por não ter nada, só os personagens são fantástico.

      Obrigada

      Excluir
  3. Eu também participo do I Dare You, mas não gostei tanto assim do desafio porque não tenho uma participação ativa lá no grupo e além do mais não tô com tanto tempo assim para ler e interagir. Uma pena porque uma das minhas metas desse ano é ler mais do que ano passado.
    Já tinha visto esse livro no Skoob e me interessei pela sinopse por ter um tema que é repleto de livros na minha estante. Apesar de me chamar a atenção ainda não li, só tô esperando pela tal da oportunidade. Depois dessa resenha, quero para ontem. rs
    Beijo,
    paraisodemenina.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério? Ué, mas pq vc participa? fdjsnfjasdnfd
      Eu também tenho essa meta.
      Leia, ele é ótimo.
      Obrigada

      Excluir
  4. Olá, Lunii. Eu só não participo desses projetos (que são maravilhosos) porque eu sei que não iria terminar de ler os livros pra poder fazer as resenhas. Mas se eu fosse um pouquinho mais esperta eu faria e-e. Eu não conhecia essa trilogia e me interessou bastante, além do mais que eu gosto muito de Jogos Vorazes e Divergente e como você disse acima o tema tem a ver bastante com isso né? A resenha está maravilhosa, foi o que na verdade me interessou pra poder ler o livro. Quero muito ler. Beijos!

    Nevasca de Inverno

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá.
      Haha, acho que você só tem que começar de maneira mais leve, sabe?
      Recomendo muito, principalmente se você gosta.
      Obrigada

      Excluir
  5. Te entendo quanto a preguiça...Acho que deve ser o calor que anda fazendo, deixa todo mundo assim meio mole hahaha
    Adorei a resenha! Já vi esse livro, mas nunca li! Parece ser bem legal!
    Beijos
    www.somosvisiveiseinfinitos.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi Luni!
    Confesso que pela sinopse não me agradou tanto, mas depois de sua resenha, gostei muito! Talvez eu leia <3 Gostei da ideia de moostrar a vida dos dois personagens, e assim, ver que eles são bem parecidos.
    Você está lendo Instrumentos Mortais <3 vou começar a ler também, depois que me apaixonei da série, estou louca pra ler a saga toda!
    Beijão
    Sentimentos Apurados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá.
      Sim, essa ideia é bem legal.
      Siim, é bom.
      Obrigada

      Excluir
  7. Ouvi falar desse livro, mas não me lembro muito de onde. Também não sou muito fã de distopia porque atualmente todos estão caindo no clichê de Jogos Vorazes. Aquela história da humanidade ter começado a não respeitar as diferenças e tornado todo mundo igual/separado por "categorias", sabe? Não gosto muito, até porque pelo que vejo atualmente, a sociedade está bem mais tolerante em relação as diferenças

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim cara, é algo que nem dá medo.
      Mas é bom e Legend é uma distopia ótima.
      Obrigada

      Excluir
  8. Eu vi uma amiga minha lendo esse livro no ano passado, eu gostei muito da capa, porém nunca pesquisei sobre. Vou colocá-lo na minha lista para comprar! Só que enquanto eu lia sua resenha, eu achei tudo uma mistura de Jogos Vorazes, O Doador de Memórias e Divergente, sabe? Isso não me atraiu muito, eu admito. Só que por você ter falado que não tem como comparar, decidi que vou lê-lo para tirar minhas próprias conclusões! ❤️

    http://makingcolorfilm.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faça isso mesmo!
      Ele é ótimo.
      Leia mesmo, viu?
      Obrigada

      Excluir
  9. Esse livro está uma febre! Parece que todos os meus amigos andam lendo... só eu que ainda não tive tempo de me dedicar a ele. Não vejo a hora!!! Ao que me dizem é que parece aquelas leituras que te prendem e que se vc parar de ler se sente meio órfão rsssss

    ❥Blog: www.amigadelicada.com


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara, não seja a diferentona e leia também.
      É exatamente isso.
      Obrigada

      Excluir
  10. Quero muito ler essa distopia. Sua resenha foi decisiva! rs Amei ela.


    Flor de Júpiter | www.flordejupiter.com

    ResponderExcluir
  11. Não conhecia este livro, mas parece bem legal, apesar de não ser o estilo de livros que leio. Ultimamente também ando com muita preguiça, deve ser o calor. :c

    Te indiquei pra uma tag ♥
    Tag | Descobrindo novos blogs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também não é o tipo de livro que eu leio.
      Obrigada

      Excluir
  12. Olá,
    Não sou de ler distopias, mas raramente vejo comentários negativos sobre essa.
    Espero curtir.

    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir

-Não ofenda ninguém
-Sigo de volta se eu quiser
-Comente o link do teu blog, irei retribuir
-Aceito pedidos de afiliação
Obrigada pela visita!